Fibromialgia: o enigma das dores crônicas e possíveis tratamentos

Por quase sete anos, o então procurador federal, Nicolas Fürst, de 37 anos, sofreu com dores muito fortes em vários pontos do corpo. E por mais que ele buscasse tratamentos e tomasse remédios, as dores só foram se intensificando com o tempo. Encontrar um diagnóstico preciso não foi fácil. Após vários exames e idas a diferentes médicos, dois diagnósticos eram os mais prováveis: alguns profissionais diziam que ele sofria de dores crônicas e outros o diagnosticaram com fibromialgia.

Fribromialgia: o enigma das dores crônicas e possíveis tratamentos - mulher com dores no corpo

Foram anos de muito sofrimento, porque o pouco alívio que Nicolas encontrava com os analgésicos e anti-flamatórios, aos poucos iam deixando de fazer efeito. Nesse processo ele acabou ficando dependente de medicamentos cada vez mais fortes e se submetendo aos efeitos colaterais que só prejudicavam a sua qualidade de vida. Se de um lado Nicolas sofria com dores quase insuportáveis, do outro, a solução para aquelas dores geraram uma série de problemas.

Ainda hoje o que causa a fibromialgia é um enigma, em alguns casos pode estar associada a desequilíbrios hormonais, tensão e estresse, mas isso não é regra. Segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia a doença atinge cerca de 3% da população brasileira, que em números mais precisos, dá em torno de sete milhões de pessoas. Um caso famoso que chamou atenção da mídia como um todo, aconteceu em 2017 quando da cantora Lady Gaga cancelou o seu show no Rock in Rio devido a dores intensas provocadas pela doença.

O que é Fibromialgia

A Fibromialgia é uma síndrome comum que provoca dores em vários pontos do corpo durante longos períodos de tempo. E junto com as dores, ela também causa fadiga, distúrbios do sono, falta de disposição e energia, depressão, dor de cabeça e ansiedade. Ela está relacionada com o funcionamento do sistema nervoso central e o mecanismo de supressão da dor.
90% dos casos ocorrem em mulheres entre 35 e 50 anos, mas pode ocorrer também entre homens (como no caso do Nicolas), crianças, adolescentes e idosos. A medicina ainda não consegue explicar as razões da síndrome atingir majoritariamente as mulheres.

Nem sempre é uma tarefa fácil diagnosticar alguém com fibromialgia, afinal não existe um exame laboratorial que simplesmente confirme se a pessoa tem ou não a síndrome. É preciso, na maioria dos casos, fazer vários exames para se descartar outras doenças que apresentam sintomas parecidos.

Entre os critérios de diagnóstico, a constância de dores por mais de 3 meses, em pelo menos 11 pontos do corpo (dos 17 pontos que a imagem abaixo mostra), é um indício para o diagnóstico da síndrome:

Fibromialgia: o enigma das dores crônicas e possíveis tratamentos

(Imagem: Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo – CREB)

Em alguns casos a fibromialgia é identificada entre membros da mesma família, o que pode sinalizar a presença de um fator genético, mas isso também não é regra, pois existem casos de pessoas que não apresentam nenhum tipo de histórico familiar.

Além disso, os médicos alertam para alguns fatores de risco que podem facilitar o surgimento da doença: pessoas que possuem outros tipos de transtornos como artrite reumatóide ou lúpus teriam uma propensão maior para o desenvolvimento da fibromialgia.

Remédio para Fibromialgia

Buscar por ajuda profissional é sempre o melhor caminho. Mas com o surgimento dos primeiros sintomas é muito comum a pessoa buscar por analgésicos e se medicar por conta própria em busca de alívio.

Por mais que se queira uma solução rápida, não é apenas com remédios que o problema será resolvido. É preciso uma combinação de cuidados multidisciplinares que podem envolver não apenas medicamentos, mas um conjunto de ações não alopáticas como fisioterapia, terapia cognitivo comportamental, técnicas de relaxamento e atividades físicas.

Fibromialgia tratamento

De acordo com a medicina tradicional, por se tratar de uma condição crônica, não existe cura para a fibromialgia, sendo a visão multidisciplinar o melhor caminho para o tratamento da doença. Mas existem casos de pessoas que buscaram tratamentos naturais alternativos e que conseguiram resultados incríveis, como é o caso do então procurador federal, Nicolas Fürst, que trouxemos nos início deste artigo.

Nicolas, ao longo de sete anos, buscou por alternativas para que finalmente pudesse voltar a ter qualidade de vida. E foi através de um tratamento natural que ele finalmente encontrou tudo aquilo que estava buscando. Assista o vídeo abaixo e veja tudo o que aconteceu com ele:

Como você pôde ver no vídeo acima, um tratamento natural e sem contraindicações, proporcionou uma transformação incrível na vida do Nicolas. Hoje ele está livre das dores e das medicações graças à Fitoenergética (clique aqui para saber mais sobre a Fitoenergética).

E assim como Nicolas, existem outras histórias como essa, de pessoas que nem conseguiam se levantar da cama devido à síndrome da fibromialgia e hoje estão bem e saudáveis graças a essa técnica terapêutica (clique aqui conheça também a história da Georgia).

É muito importante estar aberto a pontos de vista diferentes. No caso do Nicolas, se ele tivesse ido apenas pelo caminho tradicional da medicina, é provável que ainda estivesse sofrendo com a fibromialgia, mas como ele abriu os olhos para uma visão holística do processo, ele conseguiu encontrar a sua própria cura.

Se você gostou deste artigo deixe o seu comentário e para saber mais sobre as possibilidades da Fitoenergética, conheça no nosso canal da Fitoenergética no Youtube, onde publicamos conteúdos novos toda semana (clique aqui e conheça o Youtube da Fitoenergética)

Redação Luz da Serra

Redação Luz da Serra

A Luz da Serra é fruto do desejo dos amigos, e hoje sócios, Bruno Gimenes, Patrícia Cândido e Paulo Henrique T. Pereira, de transformar a vida das pessoas,trazendo bem-estar, saúde e prosperidade, a partir de uma nova consciência evolutiva através de paz, equilíbrio autoconhecimento e sucesso pessoal. Com mais de 15 anos de jornada, localizada na cidade de Nova Petropólis/RS, a instituição genuinamente espiritualista é referência no segmento da espiritualidade sem cunho religioso no Brasil. Mas na Luz da Serra também tem um bando de GENTE FELIZ que vive pelo mesmo PROPÓSITO: levar LUZ às pessoas! E que não estão neste mundão a passeio, gente linda que com a EMOÇÃO à flor da pele leva a MISSÃO da LUZ DA SERRA para onde for preciso, para onde precisar de mais SORRISOS!

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades!​

Seja Feliz, Saudável e Próspero

Sobre Nós

Luz da Serra 2020 – Todos os direitos reservados.

Informe seus dados e siga para a compra