HomeLuz da SerraA IDENTIDADE OCULTA DOS AMBIENTES

A IDENTIDADE OCULTA DOS AMBIENTES

A identidade da alma de um indivíduo é:

A soma do universo de seus pensamentos e sentimentos, que gera um padrão vibratório resultante específico. Esse padrão, por compatibilidade, vai determinar os tipos de influências espirituais que a pessoa terá.

O pensamento é a chave de tudo. Ele é a alavanca que aciona o mecanismo do sentir. Na verdade a emoção é resultante de algo pensado.

A identidade de cada ser é essa energia resultante do seu universo de pensamentos e sentimentos, que por conseqüência direta, também irá ditar a sintonia do padrão vibratório espiritual.

Essa identidade sofre influência direta de meios externos e internos.

A mudança do padrão psíquico altera diretamente o campo espiritual, ou seja, modifica essa identidade. O padrão vibratório, somatório dos pensamentos e emoções, é a causa base de todo o processo obsessivo. Ele pode aproximar ou distanciar as obsessões espirituais.


CHAVES PARA ATIVAR O PODER OCULTO DAS ERVAS


Desperte o Poder das Ervas para a Transformação e Equilíbrio da Alma

Baixe agora o e-book completo!

Não há como forjar um estado de espírito. Não se pode fingir um padrão vibratório. O universo moral e espiritual de um indivíduo, sempre vai ditar sua vibração característica. É uma lei natural.

Quanto à identidade oculta de um ambiente:

É a resultante da soma do universo dos pensamentos e emoções das pessoas que ali convivem ou transitam.

É a resultante da soma das influências das energias telúricas (que vêm da terra) do local e geobiologia em geral;

É a resultante da soma dos agentes causadores de interferências energéticas nocivas, que são inúmeros. Alguns são ocasionais e naturais e outros criados pelas pessoas.

O resultado desse somatório dita uma vibração energética característica, que é a sua própria identidade. Essa, por sua vez, em função de sua sintonia, vai criar conexão com esferas espirituais mais densas ou mais sutis.

O psiquismo do ambiente é uma entidade viva, alimentada pelas pessoas que ali estão, que mesmo depois de muito tempo formado, pode persistir pairando mesmo sem ser alimentado. Isso quer dizer que uma vez formado, poderá se cristalizar e perdurar por muito tempo, mesmo que não seja nutrido constantemente.

Dessas observações podemos concluir:

No universo tudo é matéria ou energia. Matéria é energia organizada em diferentes estados de condensação. Logo, tudo é energia.

Se tudo é energia e tudo tem vibração, portanto também apresenta uma freqüência vibratória, característica do movimento da onda (elementos próprios da energia – onda, raio da onda e freqüência vibratória da energia.)

Toda energia, seja ela agrupada ou desagrupada pode ser alterada, sendo acelerada ou desacelerada. Equilibrada ou desequilibrada, estando sempre suscetível a alterações em sua freqüência, por uma força externa, seja ela sutil e benéfica ou densa e nociva.

Energia simplesmente é energia. Não pode ser considerada boa ou ruim, é relativa, dependendo do ponto de vista e da intenção do observador.

A vibração espiritual que paira por um local, ambiente ou uma pessoa qualquer, é fruto de sua identidade energética. Em resumo, seu universo psíquico e emocional são os agentes que ditam a sua freqüência espiritual.

Se a identidade energética de um ambiente ou pessoa é diretamente proporcional à qualidade do universo de pensamentos e emoções desenvolvidas, essa pode ser alterada a qualquer momento, positivamente ou negativamente, de acordo com a mudança do padrão de quem alimenta ou produz as correntes de energia.

Manter um mesmo padrão, seja ele positivo ou negativo, por um longo período de tempo, cria uma forma energética mais espessa e definida. Nesses casos, a alteração do padrão vibratório passa a ser algo mais lento. Portanto, um ambiente ou pessoa, com sua atmosfera energética ancorada por bastante tempo, passa a estruturar essa força, seja ela sutil ou densa. Ambientes sutis e equilibrados por bastante tempo, “plasmam” um campo próprio de energia que não pode ser abalado por interferências densas temporárias. Essa é uma típica proteção energética.

O mesmo acontece com os ambientes de padrões densos, pois não conseguem ser modificados com curtas irradiações de energias mais qualificadas. Para haver a conversão da identidade, o processo deverá ocorrer com periodicidade e constância.

A energia de um ambiente pode vitalizar ou desvitalizar as pessoas que por ali transitam, sempre! Não há como ser diferente.

A vibração característica de um ambiente:

Faz com que a pessoa imersa nele, sofra influência da atmosfera psíquica ancorada ali, mesmo sem que ela perceba ou deseje. O ambiente estimula atitudes, que são inspiradas de acordo com os pensamentos cristalizados nessa energia aglutinada. Com isso, os sentimentos aflorados nas pessoas presentes no local, podem ter sido inspirados exclusivamente pelos meios externos, ou seja, não ocorreram por vontade própria do indivíduo.

Pode ser formada com o objetivo direto de influenciar o padrão vibratório das pessoas que ali transitam. Por isso o padrão do ambiente precisa ser cuidadosamente preparado. Todo universo mental emocional tóxico e nocivo (proveniente de pensamentos e emoções negativas) pode contaminar essa identidade. A compreensão disso é a melhor ferramenta para gerar harmonia e prevenir desequilíbrios.

O padrão vibratório estabelecido sempre irá aproximar presenças espirituais de mesma sintonia. Podendo atrair tanto seres iluminados quando estiver sutil e equilibrado, quanto seres negativos, de baixa moral, quando em desequilíbrio e denso.

Pode sofrer, assim como os seres humanos, obsessões do plano espiritual, pela presença de espíritos, bem como do plano mental, pela criação e precipitação de formas mentais oriundas do ?holopensene? baixo. O holopensene é o mesmo que psiquismo.

Holopensene = Identidade energética proveniente dos universos mentais e emocionais produzidos no ambiente pelas pessoas.

Holo = Todo.

Pen = que vem do pensamento.

Sen = que vem do sentimento, da emoção.

E = energia característica da emanação do Pen + Sen.

O Planeta, o país, os estados, as cidades, os municípios, os bairros, as casas e os pequenos ambientes possuem seus holopensenes (psiquismos) característicos. Não importa se é sutil ou denso, sempre gravitará pelo ambiente;

Qualquer pessoa, através de diversas formas e faculdades psíquicas, poderá sentir essa atmosfera energética invisível, ponderando assim se ela é benéfica ou maléfica para sua alma e existência;

Através da percepção do holopensene (psiquismo) de um ambiente, já é possível conhecer o padrão moral e espiritual das pessoas que o formaram. Não há como esconder, já que o padrão moral e espiritual elevado cria um holopensene (psiquismo) também elevado. Quando o padrão moral e espiritual for denso e nefasto, o holopensene (psiquismo) obedece à mesma lei e acompanha essa característica das personalidades e atitudes.

O entendimento dessas leis:

Proporciona a conscientização de que os ambientes agem sobre os seres. Seja em locais pequenos, fechados ou a céu aberto.

Essa consciência deve ser utilizada, para que o indivíduo aprenda a manter a neutralidade de seus impulsos e atitudes, e principalmente alertar para o fato de que pode estar agindo contra sua essência e personalidade, quando em locais de holopensene (psiquismo) negativo.

Mostra a necessidade de se evitar a permanência em alguns locais e ambientes de holopensene (psiquismo) baixo e nefasto. Se isso não ocorre, pode haver total modificação no estado de espírito da pessoa, fazendo se sentir e agir de modo alterado e indesejado.

Traz à tona, que muitas causas de doenças podem estar relacionadas diretamente com o holopensene (psiquismo) do ambiente em que a pessoa transita e permanece com certa freqüência.

Enfatiza a necessidade de tratarmos energeticamente (curar) não somente as pessoas, mas também os ambientes.

Fonte:
Textos: Apostila do Curso de Evolução Espiritual Luz da Serra
Por: Bruno J. Gimenes e Patrícia Cândido

A IDENTIDADE OCULTA DOS AMBIENTES
5 (100%) 1 vote[s]

Aviso de Propriedade

Todos os conteúdos do site Luz da Serra são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa de Luz da Serra Editora Ltda, mesmo citando a fonte.

A Luz da Serra é fruto do desejo dos amigos, e hoje sócios, Bruno Gimenes, Patrícia Cândido e Paulo Henrique T. Pereira, de transformar a vida das pessoas,trazendo bem-estar, saúde e prosperidade, a partir de uma nova consciência evolutiva através de paz, equilíbrio autoconhecimento e sucesso pessoal. Com mais de 15 anos de jornada, localizada na cidade de Nova Petropólis/RS, a instituição genuinamente espiritualista é referência no segmento da espiritualidade sem cunho religioso no Brasil. Mas na Luz da Serra também tem um bando de GENTE FELIZ que vive pelo mesmo PROPÓSITO: levar LUZ às pessoas! E que não estão neste mundão a passeio, gente linda que com a EMOÇÃO à flor da pele leva a MISSÃO da LUZ DA SERRA para onde for preciso, para onde precisar de mais SORRISOS!

Deixe um comentário

NENHUM COMENTÁRIO