HomeO Chamado da LuzUma vida com propósito

Uma vida com propósito

A humanidade está evoluindo e melhorando em muitos aspectos, isso todos nós sabemos. Contudo, existe uma revolução silenciosa que está destruindo vidas e é realizada por pessoas que vivem por viver, sem sentido e sem propósito.

Eu recomendo que você reflita sobre isso, pois podemos estar no grupo dessas pessoas autodestrutivas sem saber. Será que você sabe qual o seu propósito, o sentido da sua vida? E, se acreditávamos ter um propósito, como é que a gente pode perder o rumo e passar viver por viver?

Além do vazio, de se sentir perdido, sem rumo, viver sem propósito também pode ter como característica uma forte crença em propósitos fúteis, sem um sentido mais profundo, maior. Esse tipo de propósito não agrega nenhuma qualidade a sua personalidade, nenhum bem ao mundo, nenhum crescimento consciencial ou evolução ao seu espírito.

Proposito: como saber o que é certo?

Então, como saber o que é um propósito ilusório? Por exemplo: será que viver por viver, apenas desejando mais dinheiro e mais conquistas é o caminho ideal? Perceba que não existe uma motivação maior do que a acumulação material do dinheiro nesse propósito.

Será que viver por viver, só reclamando da vida, achando culpados para os problemas que surgem e criticando o governo é o jeito certo de existir e realizar a sua missão no mundo?

Claro que não… A falta de um propósito maior e o excesso de pessimismo, de reclamação, de sempre buscar culpados para algo que está dando errado nos leva a um grande problema e que hoje é mais comum do que se pensa.

Suicidio

Quem reclama demais comete suicídio em gotas, mas nem percebe o grave erro que está cometendo.

Suicidio: formas

Existem várias formas de cometer suicídio – aqui, também se entende por suicídio morrer aos poucos e até morrer em vida. E, acredite, uma delas é o autoabandono ou, melhor dizendo, o estado de miséria nas ambições de crescimento pessoal. Abaixo te mostro mais algumas formas de morrer ainda em vida:

  • Esquecer-se de quem você é em essência;
  • Abandonar seus sonhos achando que são impossíveis;
  • Desistir antes mesmo de começar;
  • Diminuir o seu brilho apenas para ser aceito;
  • Querer ser normal;
  • Querer se ajustar a uma sociedade desajustada (querer ser igual aos outros);
  • Concentrar-se em críticas e reclamações;
  • Não praticar a gratidão diária;
  • Não encontrar pequenos momentos de descanso real;
  • Não trabalhar, no mínimo, 70% do tempo com atividades que proporcionem prazer;
  • Acreditar que é responsável pela felicidade dos outros;
  • Acreditar que os outros são responsáveis pela sua felicidade.

Também podemos cometer suicídio ao entrar em contato com um estado de profundo comodismo e incapacidade de mover-se na direção de novas metas, mesmo que esse caminho seja vital.

Muitas pessoas estão em um estado letárgico tão profundo que, mesmo percebendo que se encontram em ruínas emocionais, não conseguem tomar novas atitudes e decisões na direção de novos sonhos e novos projetos para reciclar seu modo de viver.

Vivendo dessa forma, a depressão surge naturalmente, e a vida se torna ainda mais angustiante e mortalmente apática.

Depressão

Depressão é um estado em que o indivíduo apresenta sinais clássicos conhecidos como Sintomas de Depressão.

Tais sintomas podem ser descritos como um mergulho em sentimentos de tristeza, angústia, desânimo e falta de vontade de viver. A falta de propósito na vida tem se mostrado o principal estímulo a depressão e também a casos de suicídios cometidos das mais diversas formas.

Ansiedade

A ansiedade é o estado de ansiar por algo, esperar com muita angústia, desespero, um acontecimento ou situação, quase sempre indefinida ou desconhecida.

Isso acontece porque o ser humano tem sentido um intenso vazio consciencial, justamente causado pela falta de sentido na vida. Esse sentido de vida é o que chamamos de propósito ou missão da alma, o tal propósito maior que mencionamos antes.

Sentimento de vazio

O sentimento de vazio causado pela falta de propósito de vida é responsável pelo aparecimento de vícios e hábitos nocivos. Ela estimula o consumo compulsivo, a fome emocional, o sentimento de vitimização e a péssima prática da reclamação constante.

Missão de vida

Você pode não saber exatamente ou especificamente qual é a sua missão de vida. Eu realmente não tenho como lhe ajudar por meio de um simples texto, dizendo qual é a sua missão específica. Mas posso lhe adiantar que, de forma geral, você tem 3 missões de vida para seguir uma vida com propósito:

  1. Evoluir emocionalmente: reduzir a raiva, mágoa, tristeza, ansiedade, abandono, carência, tendência a achar culpados, vaidade excessiva, crítica excessiva, maledicência, intolerância, preconceito, arrogância, entre muitas outras. Você precisa melhorar em essência.
  2. Harmonizar-se com outras pessoas: criar amor e harmonia com todas as pessoas ao seu redor, principalmente no seio familiar. Aprender a transformar os conflitos.
  3. Gerar bons exemplos e expandir seus potenciais e diferenciais: por meio das suas vocações e afinidades, é possível dar a sua contribuição ao mundo gerando exemplos de alegria, equilíbrio e prosperidade sustentáveis. É nesse item 3 que você deve encontrar a sua missão específica, a qual está normalmente relacionada a uma atividade ou trabalho.

Proposito com Deus

O seu propósito com Deus é o motivo pelo qual você existe, pelo qual você reencarnou no plano material: cumprir o seu acordo espiritual que é a sua meta estabelecida antes de vir para a vida física.

Você tem o propósito de aproveitar a sua vida na Terra para realizar as 3 missões, e encontrar e desenvolver a sua missão de vida. Quando você encontra o seu propósito e realiza a sua missão, você afasta a ansiedade, a depressão e outros males da sua vida e automaticamente atrai a prosperidade, a saúde, a felicidade e os bons relacionamentos.

Buscar a sua missão de vida! Que tarefa que parece bem complicada não é mesmo?! E sabe, até pode ser se você não tiver os métodos certos para encontrá-la. Mas você sabia que para começar a percorrer este caminho existe apenas uma decisão que precisará ser tomada? A escolha é simples: Sofrer ou ser verdadeiramente feliz.

Existem dois segredos para ajudá-lo nisto:

  1. Deixar definitivamente o comodismo de lado. É ele que impede que você trace novos objetivos e decida viver a vida que sempre sonhou.
  2. Comprometimento com você mesmo.

Se você já conhece o trabalho do Luz da Serra, sabe que nós estamos fielmente comprometidos em lhe ajudar, e para isto existe um caminho seguro e direto, com técnicas e métodos simples. Este caminho que eu encontrei são os vídeos no nossa canal do Youtube. De agora em diante você tem a oportunidade de aprender gratuitamente como encontrar o seu propósito, atrair prosperidade e mudar a sua vibração de forma prática. Aqui está o link caso você queira ter acesso gratuito a esse conteúdo diário. Como eu já já falei anteriormente, o poder de decisão e o comprometimento são passos que exclusivamente você poderá dar. Eu estou na minha missão de lhe ajudar, mas e VOCÊ?! Está comprometido com você mesmo? Inscreva-se no Canal Luz da Serra AQUI.

Um forte abraço

Bruno Gimenes

Aviso de Propriedade

Todos os conteúdos do site Luz da Serra são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa de Luz da Serra Editora Ltda, mesmo citando a fonte.

Responsável pela expansão da Espiritualidade no Brasil, Bruno Gimenes é a personalidade referência nesta área, além de Diretor de Tecnologia e Cofundador da Instituição Luz da Serra. Tem formação em Química Industrial pela UNIMEP, também é professor e palestrante. Autor de 14 livros, sendo 6 em coautoria, que têm vendas superiores a 60 mil unidades. Bruno Gimenes é destaque nas redes sociais, cujos vídeos têm mais de 2 milhões de visualizações por mês no Youtube e a sua página no Facebook possui mais de 90 mil seguidores. Bruno Gimenes é um expert na área da evolução consciencial, com base no desenvolvimento da espiritualidade e na missão de vida, sendo chamado esporadicamente para participar em programas de grande destaque na mídia nacional.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe um comentário