HomeLuz da SerraNascimento – Eu não pedi para nascer

Nascimento – Eu não pedi para nascer

Você já ouviu alguém falar que não pediu para nascer? Devemos saber que os mistérios da alma não devem ser tratados como coisas que atrapalham a nossa vida. Na verdade o que bloqueia você são as crenças limitantes que, quando criadas, geram certos paradigmas –bloqueios – que atraem coisas de um tipo, enquanto afastam coisas de outro tipo. E o que mais ouvimos sobre esse assunto são pessoas que pensam em mitos ao se deparar com um problema. E repetem: “Eu não pedi para nascer”. A expressão é, nada mais nada menos, que muito reveladora do desconhecimento espiritual, de quem a profere, em essência. Duvida? Acompanhe nosso post de hoje sobre nascimento ou assista o vídeo abaixo!

O que é o nascimento ?

Em primeiro lugar, devemos entender o que é o nascimento. É a essência do seu corpo físico para que o corpo espiritual exista. O corpo espiritual nunca morre, ele vem em diversas reencarnações em diversos corpos físicos.

Na verdade, você implorou para nascer. Você pediu para ter a mãe que tem, o pai que tem, o corpo que tem e a vida que tem. Ou seja, você implorou para que o seu espírito tivesse uma oportunidade de encarnar em um corpo que proporcionasse uma evolução espiritual. Ouvir de crianças ou de adolescentes rebeldes que não pediu para nascer é aceitável, mas ouvir de uma pessoa adulta essa expressão é praticamente um atestado de ignorante espiritual.

Entendido? Então, cuidado com essa visão!

Ego 

Você precisa da experiência física para purificar quem você é, em essência. Então, o “não pedi para nascer” configura uma grande ignorância. Faz sentido? Ou seja, configura que você está indo contra quem você é e contra Deus. Dessa forma, você está indo contra as leis naturais. São elas que julgam tudo o que acontece, que tem a possibilidade de influenciá-las através do nosso eu. E quando você fala “eu não pedi para nascer”, o que está falando é o eu do ego.

O eu do ego é o eu separado, ou seja, ele é o próprio ego, ele é a própria ignorância, ele é o próprio descaso. Isso manifesta que se você pediu para nascer, você não pertence ao Planeta Terra, você tem de viver em um outro lugar.

Nascimento – será que você não pediu mesmo para nascer?

Não existe isso de “eu não pedi para nascer”, uma vez que você está na criação, você é criatura; se é criatura, você é criado, e se é criado, você é nascido.

Temos como principal objetivo aqui a ajudar as pessoas a saírem da ignorância. Por exemplo, nos anos 1980, achávamos que fumar não era errado, mas hoje todo mundo sabe que é ruim para o corpo, que mata como consequência de várias doenças ligadas ao tabaco. Assim, quando você se desvencilhar dessas crenças espirituais e começar a abrir a sua consciência para algo diferente, você vai viver em outro nível, cheio de paz e prosperidade. Pode anotar aí!

Se você gostou e quer saber mais sobre o assunto, deixe um comentário e continue acompanhando nossos conteúdos. Muita luz para você!

Bruno Gimenes e Redação Luz da Serra

Aviso de Propriedade

Todos os conteúdos do site Luz da Serra são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa de Luz da Serra Editora Ltda, mesmo citando a fonte.

Um dos responsáveis pela expansão da Espiritualidade no Brasil, é personalidade referência nesta área, além de Diretor de Conteúdo e Cofundador da Instituição Luz da Serra. É professor, palestrante com mais de 1800 palestras realizadas e autor de 16 livros (dois deles já entraram diversas vezes no ranking dos mais vendidos da revista Veja). Bruno Gimenes é destaque nas redes sociais produzindo vídeos no canal Luz da Serra no YouTube, que já ultrapassaram a barreira dos 31 milhões de visualizações ao ano. Mais de 25 mil alunos já participaram de seus cursos e treinamentos online.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe um comentário

Qual é o caminho da sua missão?

Faça o teste e descubra se você está no caminho certo da sua missão!