HomeO Chamado da LuzMediunidade e Obsessão

Mediunidade e Obsessão

Você tem medo de atrair espíritos obsessores? Muitas pessoas acreditam que devem desenvolver sua mediunidade somente em casas espíritas, pois têm medo de atrair seres e energias desqualificadas.

Agora, deixa eu te explicar uma coisa. Eu trabalho a mais de 15 anos com desenvolvimento pessoal dentro da espiritualidade universalista e sei que existem dois tipos de mediunidade: a que você usa conscientemente e a que usa sem saber.

E elas podem ser de duas naturezas: usadas para o bem, ou então, usadas para o mal e para futilidades.

Mas o que as pessoas não sabem, é que é o seu padrão e a sua energia que determina a aproximação com seres de baixa frequência! Então, se você decidir ir a lugares especializados no desenvolvimento da mediunidade e sexto sentido e você fizer isso imbuído da energia errada, você vai atrair espíritos obsessores ou energias desqualificadas.

A sintonia você escolhe, mas o assédio você não elimina. Em outras palavras, as trocas de energia são inevitáveis! No vídeo abaixo eu te explico mais sobre sintonias e o desenvolvimento da mediunidade:

Parece complicado, mas na realidade é muito simples: Você realmente pode mudar qualquer coisa na sua vida que não esteja bem. Crises, conflitos pessoais e em família, falta de prosperidade, depressão, tristeza, insatisfação no trabalho e falta de sentido para vida. Mas o que fazer para começar neste momento a sua transformação positiva? A resposta é prática e curiosa ao mesmo tempo: ativando a elevação da sua sintonia. É tão impressionante e impactante que com o tempo certamente você vai se perguntar: “como é que eu não fiz isso antes?” E para ajudar você nesta busca, todos os dias eu faço um vídeo com um tema diferente sobre os mistérios e anseios que assim como você, as outras pessoas também têm. Ou seja, você não está sozinho! Essa série de vídeos vai lhe ensinar como começar a sua mudança e como elevar sua sintonia, esse caminho é testado e aprovado e já ajudou milhares de pessoas. E se você quiser, pode ver isso acontecer na sua vida agora mesmo! Basta se inscrever no meu canal do youtube que você vai receber os vídeos diários gratuitamente e poderá começar a sua jornada. Clique aqui para acessá-los!

Muita luz, Bruno Gimenes!

Aviso de Propriedade

Todos os conteúdos do site Luz da Serra são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa de Luz da Serra Editora Ltda, mesmo citando a fonte.

Responsável pela expansão da Espiritualidade no Brasil, Bruno Gimenes é a personalidade referência nesta área, além de Diretor de Tecnologia e Cofundador da Instituição Luz da Serra. Tem formação em Química Industrial pela UNIMEP, também é professor e palestrante. Autor de 14 livros, sendo 6 em coautoria, que têm vendas superiores a 60 mil unidades. Bruno Gimenes é destaque nas redes sociais, cujos vídeos têm mais de 2 milhões de visualizações por mês no Youtube e a sua página no Facebook possui mais de 90 mil seguidores. Bruno Gimenes é um expert na área da evolução consciencial, com base no desenvolvimento da espiritualidade e na missão de vida, sendo chamado esporadicamente para participar em programas de grande destaque na mídia nacional.

4 COMENTÁRIOS
  • Ana Carolina / 07/04/2017

    Bom dia, Bruno! Gostaria de tirar dúvidas sobre o que me incomoda e me preocupa diariamente, pois todos os dias percebo e vejo por onde passo no meu dia-a-dia. No meu trabalho as pessoas coçam sempre na mesma região do corpo, a nuca ou o pescoço, quando me vêem. E isso tem me deixado muito preocupada, pois tenho a consciência que há algo errado comigo diante das pessoas me rodeiam, sejam colegas de trabalho, alunos, família, etc.
    Tentei por meio da oração, rezas e sempre escuto/sintonizo a radio católica fundacaonazare. Mas dura momentaneamente. Depois volta algo desagradável e pavoroso. Quero me livrar do mal que me incomoda há anos…
    Já li no seu site a respeito de limpeza espiritual, energética sobre o uso das preces, orações com incensos, folhas de Arruda, sal grosso.

  • Rose Cardoso / 20/03/2017

    Bruno, estou cada dia mais empolgada com o seu trabalho. Muito grata!

  • GERCILENE FERNANDES DE CAMARGO / 11/01/2017

    Olá Bruno, gostei do vídeo obrigada

Deixe um comentário