HomeFitoenergética5 coisas que eu aprendi com as plantas e com o reino vegetal

5 coisas que eu aprendi com as plantas e com o reino vegetal

Qual a importância das plantas na nossa vida? O que elas influenciam no nosso dia a dia e o que podemos aprender com elas? Nesse artigo iremos falar sobre as 5 coisas que eu aprendi com as plantas e com o reino vegetal.

A importância das plantas

As plantas e o reino vegetal estão na Terra para nos ajudar e muitas vezes passamos por um pé de alecrim, manjericão, funcho e nunca damos muita atenção a eles, mas todos eles têm um papel muito importante no nosso mundo que é o de equilibrar a energia do planeta e de ajudar que cada um de nós possa repor as energias que perdemos todos os dias quando discutimos com alguém, enfrentamos uma situação no trânsito, no trabalho ou em casa.

As plantas dão a energia que nos faltam para nos dar coragem de realizar algo que precisamos fazer, nos dão condições para termos mais forças para enfrentar os problemas e os desafios do dia a dia.

A Fitoenergética, a energia que as plantas têm, ela vem para auxiliar na restauração da nossa saúde, dos nossos sentimentos e das nossas emoções, até mesmo em nossos padrões morais. As plantas e o reino vegetal possuem o alcance energético suficiente para limpar as nossas células, nossos registros de dívidas passadas, e de limpar energeticamente todo o nosso corpo.

5 coisas que aprendi com as plantas e o reino vegetal

Essas 5 coisas que aprendi com as plantas e o reino vegetal podem transformar profundamente a sua vida. São elas:


CHAVES PARA ATIVAR O PODER OCULTO DAS ERVAS


Desperte o Poder das Ervas para a Transformação e Equilíbrio da Alma

Baixe agora o e-book completo!

1. Ser menos reativo, aprender a esperar o tempo das coisas.

Os agricultores, por exemplo, são pessoas muito sábias e eles estão em contato direto com a terra, com a natureza, com as plantas e o reino vegetal. E eles são pessoas que possuem muita paciência porque no seu dia a dia eles precisam esperar muito tempo para que as coisas possam acontecer, o tempo da Terra, da semente, da folha, do fruto e da flor.

Tudo isso é desenvolvido dentro do agricultor, ele também cresce como se fosse uma planta e tem essa noção do tempo das coisas e de não ser reativo diante delas porque tudo acontece no tempo de Deus. Então quando você aprende a se relacionar com uma planta e a sentir a energia dela, você reage bem diante das coisas porque têm questões, problemas, desafios que se você não reagir naquela hora e esperar alguns minutos, você vai conseguir ser muito mais ponderado e encontrar uma solução com muito mais eficiência para aquela situação.

As plantas esperam o tempo que for necessário para que a vida se manifeste nela, elas têm paciência;

reino vegetal 1

2. Nós crescemos com a diversidade, no meio de pessoas diferentes, na divergência de opiniões.

Como disse Nelson Rodrigues “toda unanimidade é burra”, então se você está no meio de várias pessoas que pensam igual a você, que graça tem isso? Que desafio você tem? As plantas são todas diferentes e elas crescem juntas na natureza e no reino vegetal. Nunca vi duas plantas brigando ou discutindo, elas simplesmente crescem, muitas vezes invadem o espaço uma da outra, vão se entremeando, mas crescem em harmonia dentro da diversidade que é uma floresta.

Mesmo com opiniões divergentes ou críticas, isso nos torna pessoas mais fortes e melhores, com mais facilidade de adaptação às situações adversas;

3. Perceber Deus em todas as coisas, em tudo.

Quando você cheira um manjericão e respira profundamente a sua energia você consegue sentir a presença de Deus. Quando você vê um beija-flor batendo asas você consegue sentir a presença de Deus.

Ele é essa força motriz que dá a energia para tudo aquilo que é vivo, que faz com que tudo aquilo que é vivo tenha poder de manifestação aqui na Terra; você tem um poder de manifestação. O seu gato, cachorro, peixe, formiga, o manjericão também tem poder de manifestação. Todas as espécies existentes no mundo. Ninguém é mais importante que ninguém, todos nós somos filhos de Deus;

4. Simplicidade.

É aquilo que o Papa Francisco diz: um relógio importado e um relógio de camelô, ambos marcam a mesma hora. Em um avião a classe executiva e a classe econômica, ambas têm o mesmo destino. Uma camiseta importada e uma camiseta simples, ambas irão vestir uma pessoa.

As coisas simples fazem da vida um lugar com menos cobrança, competição, de mais amor, investir em coisas mais complexas, não é somente em coisas materiais, mas sim nos sentimentos, emoções ou pensamentos, culto ao corpo e tudo isso que a gente vê em nossa sociedade hoje. Quando a gente investe nisso, quem queremos impressionar? Qual é o nosso grau de carência que nos faz complicar as coisas para chamar atenção de quem?

Então quando você observa uma semente que você plantou, a energia da vida brotando da terra e fazendo com que uma planta cresça, você observa o quanto Deus é simples. Olha o grau de complexidade: Deus inventou a brisa, o homem inventou o ar-condicionado, qual é o mais simples e sem complicações?

Quando Deus está presente o negócio é simples, quando o Homem está presente o negócio se torna complicado, e aí você escolhe o que deseja para a vida. Isso não quer dizer que você precisa abandonar tudo que tem na sua vida, é só você realmente sentir gratidão por tudo que conquistou, mas focar em coisas mais simples porque talvez essas coisas sejam as mais importantes;

5. Tudo, um dia, vai acabar. É preciso valorizar o momento presente, devemos viver o agora.

Quando chega a primavera, todas as árvores estão com flores e as plantas estão floridas, com o passar do tempo as flores se vão e aí vem os frutos, é um ciclo no reino vegetal. Tudo na vida é um ciclo e esse ciclo é efêmero, ou seja, quando piscamos olho a vida já passou, por isso é importante encontrar o seu propósito, sorrir, fazer aquilo que lhe faz feliz e focar a sua vida naquilo que realmente importa, porque na nossa sociedade atualmente focamos no futuro ou nos lamentamos pelo passado, é necessário nos libertar do passado e do futuro para viver o agora.

reino vegetal 2

Considerações finais sobre coisas que eu aprendi com as plantas

Se você começar a se relacionar com as plantas você terá serenidade na sua vida, ponderação e vai aprender a lidar melhor com as situações e com os seus problemas. As plantas são magicas, embora elas estejam plantadas na terra e possuam uma energia muito sutil, elas são a própria manifestação de Deus na Terra.

Olhe para as plantas com um olhar de gratidão expressando que você sabe da importância que elas têm. Todas as plantas possuem espíritos que são chamados de Devas que são guardiões da energia vegetal da Terra e eles querem muito nos ajudar, mas para isso eles precisam entender que você sabe que existem.

O que achou do artigo 5 coisas que eu aprendi com as plantas e o reino vegetal? Fantásticos os conhecimentos, né? Deixe seu comentário! Muita luz!

Patrícia Cândido e Redação Luz da Serra

5 coisas que eu aprendi com as plantas e com o reino vegetal
Avalie este artigo

Aviso de Propriedade

Todos os conteúdos do site Luz da Serra são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa de Luz da Serra Editora Ltda, mesmo citando a fonte.

Uma das responsáveis pela expansão da Espiritualidade no Brasil, com base nos ensinamentos dos Grandes Mestres Espirituais. É filósofa, escritora, palestrante espiritualista, CEO e cofundadora da Instituição Luz da Serra. Escreveu 11 livros, sendo 6 em coautoria, com um título entre os mais vendidos da revista Veja, e 02 programas transformacionais em áudio sobre prosperidade. Patrícia é destaque nas redes sociais produzindo vídeos no canal Luz da Serra, no YouTube, que já ultrapassaram a barreira dos 31 milhões de visualizações ao ano.

Deixe um comentário

1 COMENTÁRIO
  • Elica / 09/05/2018

    Maravilhoso, fico feliz por dar valor a simplicidade e por ter essa sensibilidade em relação as plantas. Gosto muito mesmo de te-las ao meu redor. É um amor fora do comum…ainda tenho muito a aprender com elas e conto com a ajuda de seus artigos para melhor compreensão. Paz e Luz a todos!